}

pesquise aqui

24 de abr de 2010

elas mandam- nós obedecemos.

Uma das coisas que a gente precisa aprender nessa vida é que quem manda é a mulher. Se parássemos de ir contra esta força da natureza e nos rendêssemos de uma vez por todas, pouparíamos horas de discussão e anos de análise. Elas decidem o que, onde e como. Simples assim.
Vejamos alguns expemplos dessa nossa triste realidade:
Elas nos dão quando querem e a menos que você seja um psicopata ou um estrupador,  precisa acatar esta decisão.
Elas decidem o que fazer na cama e por mais que a gente tenha a doce ilusão de conduzir a coisa, na hora H elas comandam, impõem o ritmo e o desempenho.
Elas decidem quando vão engravidar, porque por mais que tenhamos aprendido a lição de que aquela capa emborrachada maldita seja necessária, a hora que ela colocar você entre aquelas pernas e usar o método fêmea de imobilização humana... fudeu.
Elas decidem o programa de sábado à noite, mesmo quando invertem com maestria essa decisão, dizendo:  -Sempre é a casa dos seus amigos! -Sempre é o bar que vc prefere! Repetindo com jeito de vítima que ela sempre cede... mentira. Quem decidiu onde ir e quanto tempo ficar, foi ela.
Não digo isso com revolta. Sou um sujeito conformado, mandado por mulheres desde que cheguei a esse mundo, apaixonado por essas ditadoras, subordinado às suas vontades e certo de que só me resta obedecê-las prontamente.
Tem como não amá-las?

Nenhum comentário:

Postar um comentário